Colheita de soja acelera no Brasil

A colheita da safra brasileira de soja 2020/21 finalmente começou a acelerar. Segundo a consultoria AgRural, até a última quinta-feira (26), a área colhida atingiu 71%.

O avanço semanal foi de 12 pontos percentuais e os trabalhos terminaram acima da marca de 70% vista na média das últimas cinco safras. Na safra passada o volume colhido chegava a 76%.

“O tempo mais seco favoreceu o avanço das colheitadeiras na maioria dos Estados. Em Mato Grosso, a colheita já está praticamente finalizada, mas o excesso de umidade ainda dificulta os trabalhos nos últimos talhões. De todo modo, os problemas de qualidade já diminuíram significativamente”, disse a AgRural em nota.

Segundo a consultoria a safra de soja deve atingir 133 milhões de toneladas. “Embora o excesso de chuva em diferentes momentos do primeiro trimestre do ano tenha resultado em perdas de produtividade em Mato Grosso e no Paraná, os cortes feitos nesses dois Estados foram compensados por rendimentos mais altos em outros, com destaque para o Rio Grande do Sul“, afirmou.

No estado gaúcho, por exemplo, é esperada a maior safra da história, com mais de 20 milhões de toneladas e avanço de 80% em relação à safra 2019/20, quando houve perdas significativas pela estiagem. Outro bom desempenho é notado na Bahia. O clima ajudou e produtores locais observam incremento em produtividade. O estado também espera a maior safra de sua história à frente dos 6,3 milhões de toneladas obtidos na temporada 2017/2018.

Fonte: Agrolink

Data: 30/03/2021