Preço médio da saca de soja sobe 60% em MS entre janeiro e setembro

O preço médio da saca de soja em Mato Grosso do Sul subiu 60% entre janeiro e setembro deste ano, chegando a R$ 155,45. O percentual foi comparado com o registrado ao mesmo período do ano passado.

De acordo com o Departamento Técnico do Sistema Famasul, essa valorização vem ocorrendo desde o segundo semestre de 2019.

“A safra 2021/2022 tem início em um ambiente onde os principais indicadores que norteiam a evolução e o resultado da safra operam em campo misto, mas com predomínio dos fundamentos positivos”, explicou a economista Eliamar Oliveira, analista técnica da instituição.

Ainda conforme a economista, a estimativa de aumento de área para a safra brasileira de soja 2021/2022 fica em torno de 3,6%, saindo de 38,53 milhões de hectares para 39,91 milhões na próxima safra.

Em setembro, a média da saca de soja registrou R$ 159,01. O valor corresponde a 13,77% a mais do que o mesmo mês de 2020, quando foi registrado R$ 139,77.

Para 2022, a expectativa é de que o ano também seja de alta.

O preço da commodity em alta no mercado externo, dólar em torno de R$ 5,20 em 2021 e 2022 e demanda aquecida evidenciada nas projeções da Conab, são alguns fatores que contribuem para essa valorização.

Fonte: Agrolink

Data: 29/09/2021