MT: estimativa atualiza oferta e demanda de soja

O Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea) realizou a 3ª estimativa para a oferta e demanda de soja em Mato Grosso, trazendo um crescimento na demanda para as safras 20/21 e 21/22.

Para a 20/21, a oferta se manteve, enquanto a demanda foi elevada em 1,74% ante à safra 19/20. Dentre os fatores que ampliaram o volume demandado, as exportações apareceram como principal motivo, com um acréscimo de 5,93% no comparativo anual (23,61 milhões de toneladas).

Para o consumo no estado, a previsão das indústrias é de que 10,38 milhões de toneladas sejam processadas, decréscimo em relação ao relatório anterior, sob influência da baixa oferta de soja, bem como a valorização dos preços, que pode limitar o esmagamento no fim do ano.

Para a 21/22, a oferta exibiu alta de 3,85% ante à 20/21, motivada por uma maior produção. Do lado da demanda, as exportações podem ultrapassar 24 milhões de toneladas, visto que o cenário vem sendo favorável para os embarques, enquanto o consumo pode ser incrementado em 4,53% ante à 20/21.

Fonte: Agrolink

Data: 20/10/2021